Drake bate em Chris Brown (parte 2)

Testemunhas contra Drake e a favor de Chris Brown A saga continua e aquele rapper e amigos parece que não têm as pessoas a seu favor. P...

Testemunhas contra Drake e a favor de Chris Brown

A saga continua e aquele rapper e amigos parece que não têm as pessoas a seu favor. Podera...
Depois da destruição do bar e da agressão a Chris Brown e restante inocentes, as testemunhas aparecem. Kenneth McCray foi uma delas, que se pronunciou ao New York Daily afirmando "Drake lançou uma garrafa a Chris Brown, mas ele falhou, e acertou no guarda-costas (Big Pat). Parecia que era Drake quem tinha começado a lançar garrafas, depois os amigos dele começaram a lançar também. Foi uma loucura! Algumas das garrafas iam cheias. Eram como bombas! As pessoas corriam e gritavam.". Kenneth afirmou ainda ter visto Drake a dar socos "Eu vi o Drake em posição de ataque, mas eu não posso dizer se ele bateu no Chris Brown ou no seu guarda-costas.".
Como chegamos a afirmar, Mark Geragos, advogado de Chris Brown, seguiu com um processo contra Drake e Meek Mill. Mark acredita que "a polícia está a construir um caso contra Drake e o seu grupo." acrescentando ainda "Claramente, Drake foi o provocador e há evidências dele ter atirado objectos.".
Foi por nós dito que o rapper ia ser detido caso não se apresentasse à NYPD, mas a polícia ainda não fez grandes avanços no processo. Foi conhecido agora que as câmaras de vigilância do bar pouco ajudaram. Aquele que seria o vídeo do bar que podia ajudar na conclusão deste processo, parece que está pouco nítido... pouco visível... muito escuro...! Que conveniente para Drake, amigos, e para o próprio bar.
No entanto, outra testemunha falou sobre a noite mais polémica do ano. Foi a modelo Ingrid Gutierrez, ao New York Post, descreveu "Levantaram-se frente a Chris Brown e apontaram-lhe o dedo do meio, pelo que Chris mandou Drake "bugiar". Depois, a primeira coisa que ouvi foram vidros a partir, e as garrafas a voarem por cima das nossas cabeças.". A modelo Ingrid, também descreve o comportamento de Chris Brown como exemplar "Eu não vi Chris a agir violentamente contra alguém." afirmou ela "Chris disse «Vamos embora...», mas haviam garrafas a voar e eu vi-o a ser atingido no rosto, então eu agachei-me no local onde estava. De repente, eu sinto uma dor na minha cabeça e o meu amigo estava a cobrir o meu rosto, tentando me proteger. Foi então que tudo terminou. Eu estava a sangrar e estávamos todos em pânico!". Lucy Pavlovsky foi outra mulher ferida pelos lançamentos das garrafas do tal rapper e a sua "tribo".
Já reparamos... para já, duas testemunhas, dois testemunhos completos e similares, já em artigos/notícias. No fundo, várias agressões, vários feridos, um bar meio destruído, Drake e amigos. Por cá, continuaremos bem em cima do acontecimento, como sempre o fizemos.

Post relacionado:
"Drake bate em Chris Brown - Rihanna, o motivo. Drake, o passado."

NOTAS:
.A administração deste fansite reserva-se no direito de eliminar comentários impróprios, que faltam ao respeito ou colocam em causa a vericidade deste artigo.
.Este fansite reserva-se no direito de fazer actualizações períodicas a este artigo, com o intuito de dar ao leitor todas as informações necessárias tornando esta notícia o máximo completa e actualizada.

Vê mais

9 comentários

Flickr Images